Renato Augusto recusa papel de ‘salvador da pátria’ e confirma data de reestreia no Corinthians

Author

Categories

Share

Renato Augusto foi apresentado como novo reforço do Corinthians para a temporada 2021 na tarde desta quarta-feira, 11. Ao lado do presidente Duílio Monteiro Alves e do diretor Roberto de Andrade, o meio-campista recebeu a camisa 8 e concedeu entrevista coletiva virtual. Apesar da passagem de sucesso pelo clube, onde ganhou três títulos (Campeonato Brasileiro, Paulista e Recopa Sul-Americana), o jogador recusou o papel de salvador da pátria. “Olha, questão da responsabilidade, realmente não existe salvador da pátria. Falei em duas ou três respostas, precisa potencializar o cara do seu lado. Esse auxílio que a gente precisa. Ninguém vai chegar aqui do nada. Criar um grupo bom, se ajudar realmente. Cada um tem uma parcela de ajuda, vou procurar fazer a minha para potencializar e fazer atletas subirem de produção”, disse.

O meio-campista retornar ao Parque São Jorge após uma longa e vitoriosa jornada na China, onde participou de várias conquistas pelo Beijing Guoan. Renato, porém, não entra em campo desde o ano passado e ainda está no processo de readquirir condicionamento físico. De acordo com o atleta, ele deve estrear no próximo domingo, 15, diante do Ceará, mas por poucos minutos. “A gente vem trabalhando bastante nos últimos dias para recuperar a parte física sem correr riscos. Começar os jogos de forma gradativa, de 15 a 20 minutos, e ir subindo a minutagem de jogo. Para crescer tecnicamente. Contra o Ceará, devo ir para o banco. Para fazer algo em torno de 15 a 30 minutos”, declarou. “Sou muito crítico, não gosto de falar para o lado bom. Hoje, vejo o jogo de uma forma um pouco diferente. Joguei em outras funções, tive outras funções. Carregar o clube, fazer o time jogar. Mas eu acredito que eu esteja melhor do que quando eu sai. Vou precisar de tempo para jogar, apesar de saber que é imediato por aqui. Creio que possa ajudar”, completou.

Com apenas o Campeonato Brasileiro a ser disputado na temporada, Renato Augusto projetou retomar ao caminho das taças em 2022. “Voltar a um clube onde há uma história grande, com momentos históricos na carreira e na vida, foi uma decisão fácil. Por outro lado, responsabilidade maior. Vim para buscar coisas grandes. O início é sempre complicado, readaptar e crescer junto com a equipe. Esse ano não será fácil. Temos que terminar de forma boa, para voltar a buscar títulos em 2022. Quem é lembrado, é quem ganha. Vim para cá, pensando nisso de buscar títulos para buscar colocar no meu quadro de troféus e medalhas”, respondeu o veterano, que não coloca o retorno à seleção brasileira como prioridade. “Olha, a Seleção sempre foi um prêmio. Chega e faz um bom trabalho no clube e tem esse prêmio. Meu pensamento hoje é estar bem, ajudar o Corinthians, buscar títulos e coisas grandes. É continuidade do trabalho. Não penso nisso agora. Realmente, penso em estar bem, jogar em alto nível, para ajudar a equipe.”

Author

Share